16.7 C
São Paulo

União civil para homossexuais é aprovada no Senado Italiano

É Pop!

Depois de meses de disputas políticas e décadas de batalhas pelos direitos da população LGBT, o Senado da Itália aprovou, recentemente, um projeto de lei que assegura a união civil entre casais do mesmo sexo. Contudo, a vitória não foi completa, pois as autoridades ainda não concederam a possibilidade de adoção no novo texto. Depois de ter vencido no Senado com 173 votos contra 71, a emenda ainda deve passar à Câmara dos Deputados, onde parece certa a aprovação nas próximas semanas.

Senado italiano aprova projeto de lei que assegura a união civil entre casais do mesmo sexo. Mas texto ainda não concede a possibilidade de adoção. (Foto: LightRocket/Getty Images)

O projeto de lei também concede alguns direitos civis para casais que não oficializaram a união. Conforme o texto aprovado, os parceiros terão direitos semelhantes aos do casamento civil, incluindo apoio moral e financeiro, partilha do sobrenome, herança e pensão.

Apesar das conquistas, militantes do movimento LGBT e simpatizantes manifestaram seu desagrado com relação às limitações da nova lei, e dizem que esta representa apenas um primeiro passo para uma igualdade social mais ampla.

O caso da adoção, por exemplo, continuará sendo avaliado de acordo com a situação, mesmo que um dos parceiros seja o pai biológico.

Para o ministro do Interior, Angelino Alfano, de posição mais conservadora, a nova lei representa “uma vitória do senso comum”. Em declaração feita à imprensa, ele se diz contente que a questão da adoção tenha se mantido inalterada. “Demos um presente à Itália ao impedir que duas pessoas do mesmo sexo possam ter um filho, algo que é contrário à natureza”.

No entanto, Maria Elena Boschi, ministra de Reformas Constitucionais e protagonista da mediação política para a mudança na constituição, disse em um comunicado que continuará apoiando a causa. Além disso, ela também aproveitou para comemorar esta primeira vitória: “finalmente podemos garantir que o projeto de vida de um casal do mesmo sexo não vale menos do que o de um homem e uma mulher.”

comente
- Advertisement -spot_img

Leia também

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias