21.3 C
São Paulo

Time da NBA fecha acordo milionário com empresa de criptomoedas; Veja os valores

É Pop!

Atuais campeões da NBA, liga de basquete mais relevante do mundo, o Golden State Warriors também é dono de uma grande marca em torno de si, muito por conta de ter um dos maiores jogadores da história do esporte em seu elenco. A grandeza da equipe de San Francisco, atrai a atenção de diversas empresas, inclusive das bombásticas criptomoedas.

O time heptacampeão da NBA, conta desde o início do ano com o patrocínio da FTX, grande corretora de criptoativos, principalmente nos Estados Unidos.

A marca apareceu no ginásio do Golden State durante toda a série de play-offs, que são as classificatórias até a final do torneio e que dão a maior visibilidade e audiência para as equipes.

O astro do time, Stephen Curry, inclusive participou de comerciais para a FTX, onde se via envolvido no mundo das criptomoedas.

Veja o valor do patrocínio da marca de criptomoedas

O acordo entre Golden State Warriors e FTX deve durar até o fim da próxima temporada da NBA, que se encerra geralmente em meados de maio e junho de 2023.

O patrocínio milionário entre as partes estaria avaliado em 10 milhões de dólares, mais de 60 milhões de reais na cotação atual.

O valor de apenas um dos patrocínios do Golden State consegue ser maior por exemplo do que 90% dos patrocínios masters de times de futebol do Brasil. Que tem como o maior nos dias de hoje a parceria entre o banco Crefisa e o Palmeiras, que rende ao clube paulista, 80 milhões de reais anuais.

FTX atuando no Brasil

Porém, a marca também investiu no nosso país. Se não em equipes de futebol, a FTX parece engajada nos eSports.

A corretora de criptomoedas fechou um negócio com a Furia, equipe de eSports mais tradicional do Brasil.

A marca estará presente nos uniformes oficiais do time e também nos anúncios oficiais, gerando a Furia, 15 milhões de reais durante o contrato.

A Furia já é famosa por seus grandes patrocínios. O time de eSports conta com nomes como Santander, RedBull, BetWay e até a Nike em seus uniformes.

Recentemente a equipe fechou parceria com diversos streamers da plataforma Twitch, divulgando ainda mais a sua marca, se tornando um verdadeiro fenômeno no mundo dos esportes digitais.

FTX dispara contra a possível “morte” das criptomoedas

Um dos problemas que mais afetou a indústria dos criptoativos nos últimos meses foi o dito ‘inverno cripto’.

Do início do ano até aqui, todas as criptomoedas sofreram com uma queda de valor considerável, se desvalorizando rapidamente.

As Bitcoins que cerca de 6 meses atrás chegaram a atingir o valor de 200 mil reais, caíram para 90 mil em janeiro e fevereiro deste ano.

A crise colocou em cheque a reputação de investimento muito rentável que as criptos vinham demonstrando, com diversos nomes da mídia e investidores duvidando da recuperação do ativo.

No entanto, justamente durante a época dos playoffs da NBA, moedas como Bitcoin e Ether voltaram a se valorizar, retornando a marca de mais de 100 mil reais por coin.

A recuperação veio no momento certo para a FTX, que entre os comerciais da arena do Golden State Warriors, estampava a seguinte frase nos telões, “Vida longa ao Cripto“.

- Advertisement -spot_img

Leia também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias