19.8 C
São Paulo

Mais um time da Premier League investe em NFTs

É Pop!

Mais um time da Premier League investe em NFTs conforme noticiado pelo The Athletic. O inglês Southampton F.C. anunciou que irá lançar três NFTs como celebração dos seus kits “Bold and Brave” (2022/2023), as novas camisetas oficiais do time. De acordo com o Southampton, o fato de serem apenas três tokens “torna cada um deles um item verdadeiramente colecionável para colecionadores de camisetas de futebol”. 

Os tokens não fungíveis estão disponíveis na OpenSea, a maior plataforma de negociação de NFTs do mundo .Você pode adquiri-los participando de um leilão e os lances devem ser feitos usando criptomoedas. As negociações começaram na quinta-feira (29) e continuam até metade de agosto. Os usuários que conseguirem adquirir os tokens também ganharão a nova camiseta do time. 

O clube declarou que os NFTs “foram criados para mostrar digitalmente o desenho e o design original de cada kit, que são mais ousados e corajosos do que jamais se viu antes”. O time ainda enfatizou que os tokens são itens para colecionar, que não devem ser vistos como uma fonte de investimento. Porém, a plataforma OpenSea até incentiva a troca e a negociação dos ativos digitais. 

A maioria dos times que entrou no mundo dos NFTs os desenvolveu em parceria com alguma empresa do setor. No entanto, o Southampton não mencionou nenhuma em sua divulgação.

Mesmo com o setor de NFTs e criptomoedas se tornando cada vez mais conhecido, muitas pessoas ainda não conhecem ou não adquirem os produtos digitais. Sarah Batters, diretora de marketing e de parcerias do clube inglês se mostrou consciente dessa limitação. “Mesmo compreendendo que nem todo mundo está pronto para mergulhar no mundo dos NFTs, nós queremos ser ousados e dar aos nossos fãs a escolha de explorar essa empolgante nova área”, explicou Batters.

Mas não é a primeira vez que o Southampton se aventura no mundo da Web3. No ano passado, a Sportsbet.io, plataforma de apostas esportivas online, doou duas Bitcoins para o Fundo Crypto para Fãs. Quatro meses depois, o time também lançou uma competição em que os fãs precisavam encontrar Bitcoins escondidas em QR codes pela cidade, mídias sociais e em desafios inspirados na tecnologia de blockchain. 

A crise dos NFTs

Embora o mercado dos NFTs e das criptomoedas continue recebendo muitas iniciativas e investimentos, os valores caíram nos últimos meses. Um exemplo são as próprias Bitcoins oferecidas pelo time na competição, que caíram quase metade do preço desde fevereiro deste ano. 

O site The Athletic investigou como os times da Premier League foram afetados por essa baixa no mercado. Em todos os casos, quem comprou os tokens dos times esperando revendê-los por um preço mais alto se decepcionou. Um representante da Socios, plataforma parceira de vários clubes da liga, ressaltou que os tokens não devem ser um investimento econômico. “O propósito dos tokens é dar aos fãs novas formas de se engajarem com seus clubes, de se entreterem e ganharem recompensas que não podem ser encontradas em nenhum outro lugar”, explicou o representante ao site The Athletic. 

Apenas esta semana, dois grandes atletas anunciaram coleções em NFTs. Cristiano Ronaldo fechou uma parceria com a Binance e o jogador da seleção brasileira, Richarlison, já lançou os cards criados pela International Digital Group (IDG).

No Brasil, essas iniciativas são vistas como uma possível solução para times de futebol em crise por causa da pandemia e da diminuição de tempo na televisão. 

- Advertisement -spot_img

Leia também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias