28.3 C
São Paulo

Enquete realizada pelo Senado aponta que a maioria da população deseja regulamentação dos jogos de azar

É Pop!

A regulamentação dos jogos de azar é tida como um assunto polêmico no Brasil há décadas, e os políticos sempre falam sobre o tema com bastante cuidado, como se estivessem pisando em cascas de ovos. Mas, após anos de discussões, em fevereiro deste ano foi aprovado na Câmara dos Deputados o projeto de 442/91, que prevê a liberação de diversas modalidades de jogos em território nacional, sejam no ambiente físico ou digital.

Contudo, desde que foi aprovado pelos deputados federais, a proposta aguarda a apreciação no Senado, e sabendo que o tema costuma gerar grande comoção, o DataSenado criou uma enquete para saber a opinião da população sobre o assunto. A pesquisa foi realizada entre os dias 7 de março e 2 de maio, e contou com 806 participantes, 58% dos quais afirmaram que aprovam a regulamentação da jogatina no país.

Os participantes também foram questionados se a exploração da jogatina junto a complexos de lazer e resorts fomentaria o turismo no país – em resposta, 58% deles afirmaram que sim, enquanto 40% discordaram. Também na avaliação de uma parcela significativa dos internautas, a exploração da jogatina beneficiaria a arrecadação de tributos no Brasil. 61% dos participantes apontaram que com a liberação da prática a receita tributária do país seria incrementada.

Em relação à criação de postos de trabalho, 57% dos internautas apontaram que acreditam que a exploração legal da jogatina pode aumentar a geração de empregos no país, enquanto 22% disseram que permaneceria igual e 17% afirmaram que reduziria. Vale lembrar que, geralmente, tanto o presidente do Senado, Rodrigo Pacheco, quanto os senadores, tendem a levar em consideração as pesquisas feitas pelo DataSenado, principalmente quando os temas são de grande relevância para a população.

Recentemente, Pacheco se encontrou com Felipe Carreras, relator do PL 442/91 na Câmara dos Deputados, e apontou que deve colocar a pauta em votação no Senado ainda este ano. Lembrando que atualmente no Brasil, as plataformas de jogatina online podem operar normalmente, desde que suas sedes estejam localizadas no exterior. Por conta disso, desde já os brasileiros podem acessar sem qualquer impedimento ás plataformas com as melhores apostas esportivas e realizar seus palpites na competição da sua escolha, tendo direito ainda a diversas promoções atrativas, odds aumentadas e várias estratégias listadas pelo site apostasesportivas24.com.

EUA movimenta bilhões

Assim como no Brasil, os jogos de azar fazem parte da cultura norte-americana, e no primeiro trimestre de 2022 o setor voltou a bater recordes nos Estados Unidos. De acordo com a Commercial Gaming Revenue Tracker da American Gaming Association (AGA), os jogos comerciais no país geraram uma receita de US$ 14,31 bilhões no primeiro trimestre de 2022. Justificando os números, o CEO da AGA, Bill Miller, aponta que os consumidores sempre estão em busca de alternativas de entretenimento, e por conta disso o setor não para de apresentar recordes impressionantes.

O valor arrecadado neste primeiro trimestre de 2022 é 29% superior ao visto no ano passado, sendo que as apostas esportivas e o iGaming são os nichos que mais cresceram nos últimos tempos. “… o sucesso das apostas esportivas legais está provando o que sempre sabíamos: os consumidores americanos estão ansiosos para apostar dentro das proteções do mercado regulamentado”, destaca Miller.

No ano passado, os jogos de azar comerciais estabeleceram o recorde de US$ 53,03 bilhões em receita, 21,5% superior ao recorde anterior. Mas com a alta que o setor tem experimentado em 2022, a expectativa é de que uma nova meta seja estabelecida. No relatório apresentado pela AGA, Miller ressalta que o sucesso da indústria dos jogos de azar nos EUA vai muito além dos resultados e beneficia todo o país. Isso porque ano após ano as contribuições fiscais batem recordes e consequentemente ajudam a financiar diversos serviços vitais à sociedade, nas áreas da educação, infraestrutura e saúde.

- Advertisement -spot_img

Leia também

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias