20.3 C
São Paulo

Cientistas desenvolvem braço mecânico sensível ao toque

É Pop!

A criação de uma prótese que devolve a sensibilidade ao toque ao usuário foi anunciada recentemente por cientistas da DARPA (Agência de Projetos de Pesquisa Avançada da Defesa dos Estados Unidos). O equipamento foi testado em um homem que há mais de uma década sofre de paralisia dos braços devido uma lesão na medula espinhal, e mesmo assim, de olhos vendados, foi capaz de identificar quando e quais de seus dedos do membro robótico estavam sendo tocados por um objeto.

A prótese é conectada a uma rede de eletrodos ao cérebro de uma pessoa, na parte onde ela controla os movimentos do corpo e onde identifica sensações. As conexões são feitas por meio de sensores que podem detectar alterações na pressão à medida que ela é aplicada aos dedos e, depois, convertê-la em sinais elétricos que passam a informação ao cérebro. A nova tecnologia permite que o usuário não só volte a ter suas habilidades de manipular objetos, mas também aprenda a sentir o que está tocando.

O membro mecânico desenvolvido pela DARPA foi apelidado de “Luke”, e segundo a equipe de pesquisa, apesar de ser um grande avanço tecnológico, este é só o começo. Os primeiros testes com a prótese foram feitos em fevereiro deste ano, quando um ex-soldado do exército norte-americano conseguiu escalar uma parede usando o mecanismo. Confira o vídeo com a experiência:

comente
- Advertisement -spot_img

Leia também

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias