20.1 C
São Paulo

Google quer promover expansão da internet em Cuba

É Pop!

O Google está prestes a se tornar a mais recente empresa a expandir seu alcance à Cuba. Durante a visita histórica do presidente Barack Obama à ilha, a companhia anunciou que já está nos estágios iniciais de levar acesso à internet de alta velocidade para a população cubana – da qual apenas 5% está inclusa no mundo digital atualmente. Para começar, a companhia norte-americana conseguiu uma parceria com o Museu Orgánico Romerillo, de Havana, que irá expor produtos do Google, como os Chromebooks.

Google aproveita boa relação entre os governos norte-americano e cubano para levar acesso à internet a um dos países menos conectados do planeta.

“Esperamos que esta instalação permita que as pessoas naveguem na web e encontrem novas informações”, escreveu Brett Perlmutter, diretor de acesso do Google, em uma comunicado oficial. “Estamos animados com o fato de que crianças cubanas poderão experimentar a realidade virtual para explorar lugares de todo o mundo, da mesma forma que as crianças em outros países fazem”.

O acesso à internet está crescendo lentamente na ilha, graças às iniciativas do governo cubano de trazer novos serviços de banda larga para a população. Essas iniciativas, combinadas com as do Google e outras empresas, podem mudar radicalmente a forma como o povo de Cuba obterá informação nos próximos anos.

“Nós sabemos, a partir da experiência de muitos países ao redor do mundo, que as novas tecnologias e o acesso à internet podem ajudar as pessoas em suas vidas diárias, fornecer novas informações e experiências, além de ajudar a aproveitar a criatividade e engenhosidade de uma nação”, completou Perlmutter. “Esperamos ter a oportunidade de oferecer mais serviços ao povo cubano no futuro”.

 

Foto: iStock

comente
Ler a próxima matéria

Adam Lambert recusa papel para dar visibilidade a atrizes trans

- Advertisement -spot_img

Leia também

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias