21.3 C
São Paulo

Ex-Backstreet Boy é condenado na Justiça americana

É Pop!

Ex-integrante da boy band Backstreet Boys, que fez o maior sucesso no mundo todo na década de 1990, Nick Carter não está nos seus melhores dias. Após arranjar confusão em um bar de Key West, nos Estados Unidos, no início deste ano, o cantor foi condenado a cumprir 25 horas de serviços comunitários. Nick ainda passará seis meses sob supervisão judicial e precisará pagar uma multa de 300 dólares (1.060 reais).

De acordo com a mídia local, o artista estava acompanhado do amigo Michael Papayans, quando se envolveu em uma briga com empregados do bar Hog’s Breath Saloon. Um dos bartenders do lugar não quis atendê-los alegando que ambos já estavam bêbados demais para continuar consumindo bebidas, porém os dois não concordaram. Irritados com a situação, partiram para a agressão contra o bartender e o gerente do bar.

Aos 36 anos, Nick Carter está envolvido no projeto do filme “Dead 7”, escrito e estrelado por ele. O longa-metragem reúne membros de bandas famosas do fim do século passado como os próprios Backstreet Boys e o N’Sync, que era comandada por Justin Timberlake. A obra mostra uma batalha contra zumbis no Velho Oeste norte-americano e estreia neste 1° de abril na TV dos Estados Unidos.

Tags
comente
- Advertisement -spot_img

Leia também

- Advertisement -spot_img

Últimas Notícias